"Rezem o terço todos os dias, para alcançarem a paz pra o mundo e o fim da guerra." (Fátima - Portugal)
   
Documento sem título
 




 
 
03/04/2013
"Talvez ele cometa um engano e nós poderemos apanhá-lo e desforrar-nos dele." Jr 20, 10
MENSAGEM DA SEMANA
 

 

Todos os amigos observam minhas falhas: “Talvez ele cometa um engano e nós poderemos apanhá-lo e desforrar-nos dele”. 11Mas o Senhor está ao meu lado, como forte guerreiro; por isso, os que me perseguem cairão vencidos. Por não terem tido êxito, eles se cobrirão de vergonha. Eterna infâmia, que nunca se apaga!  Jr 20, 10 - 11

 

6“Eu, o Senhor, te chamei para a justiça e te tomei pela mão; eu te formei e te constituí como o centro de aliança do povo, luz das nações, 7para abrires os olhos dos cegos, tirar os cativos da prisão, livrar do cárcere os que vivem nas trevas. Is 42, 6 -7

 

8Pobres, sempre os tereis convosco, enquanto a mim, nem sempre me tereis”. Jo 12, 8

 

 

Caríssimos irmãos,

 

Invoquemos o Senhor, a uma só voz, a um só coração, na certeza de que Ele ouve nossas súplicas e não deixa nenhuma sem resposta!

Recorramos ao auxílio de Nossa Mãe Maria Santíssima para que Ela nos dirija segundo a vontade do Pai nessa Semana Santa que ora se inicia.

Depositemos em Seu Coração Imaculado as orações, as penitências e sacrifícios, as particpações nas Celebrações Eucarísticase todo gesto de caridade e devoção que fizemos ao longo da Quaresma, pela nossa própria conversão, a de nossa família e pela conversão dos pecadores, principalmente aqueles que não  tem ninguém que interceda por eles. A Virgem Maria há de apresentar essas ofertas ao Seu Filho Jesus enriquecidas pela perfeição de Seu amor!

Amados irmãos, ainda que muitos estejam repetindo  insistentemente a oração de Jesus : “Meu  Pai, se for possível, afasta de mim esse cálice!”, que não nos esqueçamos de rezar também a sequência dela: “Todavia, não se faça o que eu quero, mas sim o que tu queres.” (Mt 26, 39)

O Papa Francisco, (e essenome abençoado parece quequebra o protocolo e diminui as distâncias entre nós e ele)), na Missa que celebrou do Domingo de Ramos, pediu que lutássemos contra a tristeza e que jamais perdêssemos a esperança. Um cristão não pode ser triste, disse ele.

 

"Jamais sejam homens e mulheres tristes: um cristão jamais pode sê-lo! Jamais se deixem desencorajar! A nossa alegria não nasce do possuir muitas coisas, mas do ter encontrado uma Pessoa: Jesus, que está no meio de nós; nasce do saber que com ele jamais estamos sozinhos, mesmo nos momentos difíceis (...) E são tantos. E neste momento vem o inimigo, vem o diabo, disfarçado de anjo muitas vezes e insidiosamente nos diz a sua palavra. Não lhe deem ouvidos! Sigamos Jesus!" (Papa Francisco)

 

— Ao Senhor eu invoquei na minha angústia e elevei o meu clamor para meu Deus; de seu Templo ele escutou a minha voz, e chegou a seus ouvidos o meu grito! Sl 17

 

Quando ela vier bater à porta de nosso coração, tenhamos esse versículo do Salmo 17 (liturgia dessa sexta-feira)na ponta da língua e impeçamos com energia sua entrada ou investida.

 

Que o Espírito Santo inflame nosso coração empurrando-nos a participar intensamente das diversas atividades  da semana santa. Que nossos olhos e ouvidos estejam superatentos  e assim o véu do Templo verdadeiramente se rasgará para nós.

Precisamos aproveitar esses dias para buscar a Deus avidamente, marcar um encontro pessoal com Ele e fazer dessa Quaresma um marco em nossa vida espiritual.

 

Temos uma oportunidade ímpar nessa segunda-feira, considerando que é dia 25. É dia da Rainha da Paz e mesmo sem ser Quaresma, é dia de evangelização, de devoção, de penitência, enfim , de passar o dia na Casa da Mãe, debruçados em Seu colo ouvindo seus conselhos, recebendo seu consolo, e também alimento .

Vamos então queridos amigos e irmãos, acolher esse presente que o céu nos dá, fazendo com que a segunda-feira, que no nosso caso até já chamamos de segunda-feira santa, seja verdadeiramente santificada pelas atividades desse riquíssimo Tempo litúrgico. Aliás, o mais importante para um cristão. Toda a vida de Jesus passa diante de nossos olhos por meio do Evangelho e pela dedicação de tantos cristãos que se empenham em manter as tradições da Igreja vivas e vibrantes.

 

Retomando os textos em destaque para nossa reflexão, comecemos com a passagem do Profeta Jeremias, capitulo 20.

O Profeta, cerca de duzentos anos antes, anuncia a reação que Jesus despertaria nas pessoas à sua volta,em virtude de suas atitudes serem  sempre coerentes com seu discurso.

E esse texto não é algo do passado ou que apenas cumpriu sua função na vida de Jesus. Ele continua atuante em nossas vida, na medida em que buscamos o discipulado, quanto mais nos compometemos com nosso Senhor e Mestre. O mesmo tipo de pessoa continua a existir no nosso meio.

Pessoas vingativas, interesseiras, alpinistas sociais, falsas, traiçoeiras, e tantas outras que se deixam comandar por tudo que é do mal, quem não conhece alguém que se enquadre nesse grupo? E, lamentavelmente, até nós mesmos nos enquadramos em alguns deles vez por outra.

Quantos de nós já  foi vítima de fofocas maldosas, apunhalados pelas costas, enganados por pessoas que se diziam amigas, ou servimos de escada para outros subirem, e etc?

E o local dos acontecidos pode ter sido justamente onde menos esperávamos: entre os imãos da comunidade na Igreja. ..

Então amados, somos seguidores de Cristo e o que Ele fez diante dessas vozes e violências que se levantaram contra Êle? Ele partiu para o confronto, respondeu no mesmo nível? Ou lançou mão de seus poderes de Filho de Deus, chamou uma legião de Anjos para calarem as injúrias e trazerem a verdade à luz do dia?

Examine bem como tem reagido diante das injustiças por que tem passado, como trata os envolvidos nesses ardis elaborados para lhe prejudicar.

Cultivemos a confiança no Senhor e acumulemos brasas aos pés dos que nos perseguem, abençoando-os e lhes fazendo o bem.

 

O texto seguinte foi extraído do Profeta Isaías, que viveu trezentos anos antes de Cristo. Ele nos fala de alguém que abriria os olhos aos cegos e libertaria os cativos.

De quantas prisões Jesus ainda terá que nos livrar? Fora das penitenciárias existem inúmeros prisioneiros, cativos dos mais diversos senhores e feitores. Presos de vícios, presos por seus próprios preconceitos, paralisados por medos injustificados, reféns emocionais de pessoas que lhe escravizam, dependentes da opinião alheia, para citar alguns.

 Jesus nos promete vida e vida em abundância. Mas para vivermos essa  realidade, peçamos a Jesus que nos abra os olhos, que nos faça enxergar o que nos aprisiona e nos tem afastado dessa vida que Ele nos oferece.

 

Caríssimos, preparemo-nos a partir de hoje para que as bênçãos que estão sendo derramados em nossa Igreja durante esses dias encontrem corações abertos para recebê-las  e não só receber, mas fazê-las germinar e produzir muitos e bons frutos.

 

E terminamos  parafraseando nosso amado Monsenhor Jonas:

“Aguenta firme, meu filho, minha filha!!!!”

 

Bjus no coração

JACYRA

 

 

 

 

 

 
 
 

Artigo Visto: 978 - Impresso: 21 - Enviado: 19

 

Visitas Únicas Hoje: 3 - Total Visitas Únicas: 72870 Usuários online: 5
© Copyright 2012 - 2015 - www.tercoemfamilia.com.br - Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por: